Terça-feira, 5 de Agosto de 2008
BRINCADEIRA

 

-

          Apetecia-me poder continuar aquí contigo

      a brincar ao esconde esconde

       com as palavras mágicas

       Apetecia-me agora saborear

       o mel puro dos teus lábios doces

       ao pôr do sol rubro

       Apetecia-me dançar correr

       Pelos belos campos de trigo doirado

       donde colheria o pão nosso

       Apetecia-me tanto

       estar na ilha...

 

Este post foi descaradamente roubado à Maria de "o cheiro da ilha", as palavras a vermelho são de minha autoria, elas preenchem o espaço que a Maria tinha ocupado com quadrados, aos quais eu achei graça e resolvi trocá-los por palavras.

As minhas desculpas à Maria pela minha ousadia (brincadeira).

 



publicado por POESIA-NO-POPULAR às 09:49
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito

.mais sobre mim
.Agosto 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2

3
4
5
6
7
8
9

10
11
12
13
14
15
16

17
18
19
20
21
22
23

24
25
26
27
28
29
30

31


.posts recentes

. BRINCADEIRA

. DESGARRADA POÉTICA POPULA...

. "SER CRIANÇA"

. POESIA A MOTE

. MEUS DEDOS

. POESIA -A- MOTE

. NO OUTONO DA VIDA

. "DESGARRADA POÉTICA"

. CONTINUAÇÃO DO POST ANTER...

. "CULTURA POPULAR"

.arquivos

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

.favoritos

. DVD de ALFREDO MARCENEIR...

.links
.as minhas fotos
.pesquisar
 
blogs SAPO
.subscrever feeds